O que é cateterismo cardíaco e como é feito esse procedimento

O que é cateterismo cardíaco e como é feito esse procedimento

Você já fez, conhece ou ouviu falar de alguém que já fez um cateterismo cardíaco? Muito provavelmente já, mas você sabe o que é isso e para que ele serve? Hoje, vamos conhecer o passo a passo desse procedimento e saber como você deve se preparar para ele.

O que é cateterismo

O cateterismo cardíaco é um procedimento médico que cardiologistas, ou especialistas de coração, utilizam para avaliar a função cardíaca e diagnosticar doenças cardiovasculares.

Durante o cateterismo cardíaco, um tubo longo e estreito chamado cateter é inserido em uma artéria ou veia de sua virilha, pescoço ou braço. Este cateter é inserido através de seu vaso sanguíneo até chegar ao coração. Um corante pode ser injetado através do cateter e permite ao seu médico olhar para os vasos e câmaras do coração com o uso de uma máquina especial de raios-X. Uma vez que o cateter está no lugar, seu médico pode usá-lo para executar testes de diagnóstico.

A cateterização cardíaca é realizada em um hospital por um cardiologista e uma equipe de médicos, enfermeiros, técnicos e outros profissionais médicos.

Por que é necessário o cateterismo cardíaco?

Seu médico pode pedir que você se submeta a cateterismo cardíaco para diagnosticar um problema cardíaco ou para determinar uma causa potencial de dor no peito.

Durante o procedimento, o seu médico pode:

  • – Confirmar a presença de um defeito cardíaco congênito (o defeito estava presente no nascimento)
  • – Verificar se há vasos sanguíneos estreitos ou bloqueados que possam causar dor no peito
  • – Procurar problemas com as válvulas do seu coração
  • – Medir a quantidade de oxigênio em seu coração (avaliação hemodinâmica)
  • – Medir a pressão dentro do seu coração
  • – Fazer biopsia do seu coração
  • – Avaliar e determinar a necessidade de tratamento adicional

Como se preparar para cateterismo cardíaco

O seu médico irá informá-lo se pode comer ou beber antes do procedimento. Na maioria dos casos, você não deverá comer ou beber até quatro horas antes do procedimento. Ter alimentos e líquidos em seu estômago durante o procedimento pode aumentar o risco de complicações. Além disso, pergunte ao seu médico antes de tomar qualquer medicação antes do procedimento.

Antes do cateterismo começar, você será convidado a se despir e colocar uma vestimenta de hospital. Você vai então se deitar e uma enfermeira lhe colocará uma via intravenosa (IV). O IV, que geralmente é colocado em seu braço ou mão, vai transportar a medicação e fluidos para você antes, durante e após o procedimento.

Uma enfermeira pode precisar raspar o pelo em torno do local de inserção do cateter. Você também pode receber uma injeção de um anestésico local para ajudar a entorpecer a área antes do cateter ser inserido.

Cateterismo cardíaco como é feito

Depois de preparado, o cateter é guiado por uma tampa de plástico, oca e curta, chamada bainha. Uma vez que um cateter está no lugar, o seu médico irá prosseguir com os testes necessários para diagnosticar a sua condição.

Dependendo do que eles estão procurando, o seu médico pode realizar um dos seguintes procedimentos:

  • – Angiograma coronário: um processo onde um material de contraste ou corante é injetado. Em seguida, seu médico usará uma máquina de raios-X para assistir como o corante viaja através de suas artérias, câmaras do coração, válvulas e vasos para verificar se há bloqueios ou estreitamento em suas artérias.
  • – Biopsia cardíaca: um processo onde o seu médico irá retirar uma amostra de tecido cardíaco (biópsia) para testes adicionais.

Seu médico pode realizar um procedimento adicional se eles descobrem um potencial risco de vida durante o cateterismo. Esses procedimentos incluem:

  • – Ablação: É usada para corrigir a arritmia cardíaca (batimentos cardíacos irregulares). Nesse caso, é usada energia sob a forma de calor (energia de radiofrequência) ou frio (óxido nitroso ou laser) para destruir o tecido cardíaco para parar o ritmo cardíaco irregular.
  • – Angioplastia: É quando um pequeno balão é inserido em sua veia e, em seguida, expandido para ajudar a alargar uma artéria estreitada. A angioplastia pode ser combinada com uma colocação de stent (uma pequena bobina de metal que é colocada na artéria bloqueada ou obstruída para ajudar a prevenir futuros problemas de estreitamento).
  • – Valvuloplastia com balão: Quando um cateter com balão é inflado em válvulas cardíacas estreitas para ajudar a abrir o espaço restrito.
  • – Trombectomia (tratamento do coágulo sanguíneo): É utilizado para evitar que um coágulo de sangue se desloque e viaje para órgãos ou tecido. Ele ajuda a prevenir a causa de um acidente vascular cerebral ou outro problema potencialmente fatal. Seu médico pode usar um cateter para guiar um coágulo de sangue com segurança em um vaso sanguíneo. Uma vez lá, o cateter pode ser usado para remover o coágulo sanguíneo.

Você será sedado para o procedimento, mas permanecerá alerta o suficiente para responder às instruções de médicos e enfermeiros.

Durante o cateterismo, você pode ser solicitado a:

  • – Prender a respiração
  • – Respirar fundo
  • – Tossir
  • – Colocar os braços em várias posições

Isso ajudará sua equipe de saúde a obter uma melhor imagem do seu coração e das artérias.

Quais são os benefícios do procedimento?

O cateterismo cardíaco pode ajudar seu médico a diagnosticar e tratar problemas que poderiam causar problemas maiores, como um ataque cardíaco ou um acidente vascular cerebral. É possível prevenir um ataque cardíaco ou um acidente vascular cerebral futuro se o seu médico for capaz de corrigir quaisquer problemas descobertos durante o cateterismo.

Quais são os riscos do tratamento?

Qualquer procedimento que envolve o seu coração vem com um determinado conjunto de riscos. A cateterização cardíaca é considerada relativamente de baixo risco, e pouquíssimas pessoas têm problemas. Os riscos de complicações, embora raros, são maiores se você tem diabetes ou doença renal, ou se você tem 75 anos ou mais.

Os riscos associados ao cateterismo incluem:

  • – Uma reação alérgica ao material de contraste ou medicamentos utilizados durante o procedimento
  • – Sangramento, infecção e hematomas no local de inserção do cateter
  • – Coágulos de sangue, que podem desencadear um ataque cardíaco, acidente vascular cerebral, ou outro problema grave
  • – Danos à artéria onde o cateter foi inserido, ou danos às artérias como o cateter viaja através de seu corpo
  • – Ritmo cardíaco irregular (arritmias)
  • – Dano renal causado pelo material de contraste
  • – Pressão sanguínea baixa
  • – Tecido do coração partido

O que esperar após o tratamento?

O cateterismo cardíaco é um procedimento geralmente rápido e normalmente dura menos de uma hora. Mesmo que seja executado com bastante rapidez, você ainda precisará de várias horas para se recuperar.

Uma vez que o procedimento é terminado, você será levado para uma sala de recuperação onde vai descansar enquanto o efeito do sedativo passa. O local de inserção do cateter pode ser fechado com uma sutura ou um “plug” feito de material que trabalha com seu corpo para criar um coágulo natural na artéria.

Você provavelmente irá para casa no mesmo dia. Assim que estiver em casa, certifique-se de seguir cuidadosamente todas as instruções. É importante tomar os seus medicamentos como indicado pelo seu médico e fazer consultas de acompanhamento antes de sair do hospital. A maioria das pessoas pode retornar às suas atividades normais no dia após o procedimento, dependendo se quaisquer intervenções adicionais foram feitas durante a cateterismo cardíaco.

Um pequeno hematoma no local da punção é normal. Se o local começar a sangrar, deite-se e pressione firmemente sobre ele por alguns minutos. Em seguida, verifique novamente se o sangramento parou.

Descansar após o procedimento irá prevenir sangramento grave e permitir que o vaso sanguíneo se cure completamente. Se você já é um paciente do hospital e fez um cateterismo como parte de sua fase de diagnóstico ou tratamento, deverá ser levado de volta para o seu quarto para se recuperar.

Estadias mais longas no hospital são geralmente necessárias se você tiver um procedimento adicional, como angioplastia ou ablação, durante o cateterismo.

Seu médico deve ser capaz de discutir os resultados do cateterismo logo após o procedimento ser concluído. Se fizer uma biópsia, os resultados podem demorar algum tempo. Dependendo dos resultados, o seu médico irá recomendar o tratamento ou procedimentos futuros.

Mais informações

O cateterismo cardíaco é um procedimento muito seguro e que pode salvar sua vida, por isso, não há necessidade de medo ou receio de fazê-lo. Após a realização do cateterismo, você deve manter uma dieta saudável e controlar outros hábitos que possam ter levado a realização do mesmo.

Este artigo te ajudou?
  • +6 curtiram
  • 0 não curtiram