Para que serve o Hidróxido de alumínio e como tomá-lo corretamente

Para que serve o Hidróxido de alumínio e como tomá-lo corretamente

O hidróxido de alumínio é um antiácido, usado principalmente para tratar azia. Este medicamento pode ser encontrado com outros nomes comerciais, tais como Sineco Plus ou Pepsamar, Alca-luftal, Siludrox ou Andursil. Você pode comprá-lo em farmácias em frascos de 60 ml ou 240 ml, sob a forma suspensão oral, ou como comprimidos mastigáveis em cartuchos contendo 30, 40, 48, 50, 100, 120, 150 ou 200 comprimidos mastigáveis.

Bula hidróxido de alumínio

Apresentação de Hidróxido de Alumínio. Uso oral e adulto. Laboratório Sanofi

Cada comprimido mastigável de hidróxido de alumínio contém:

  • – hidróxido de alumínio 230 mg
  • – excipientes q.s.p. 1 comprimido
  • – Contém: manitol, sacarina sódica, aroma natural de hortelã, estearato de magnésio, amido de milho

Hidróxido de alumínio para que serve?

O hidróxido de alumínio serve para tratar sintomas de aumento do ácido do estômago, como azia, dor de estômago, acidez no estômago, úlcera péptica, inflamação do esôfago, hérnia de hiato ou indigestão ácida. O hidróxido de alumínio também é usado para reduzir os níveis de fosfato em pessoas com certas condições renais.

O hidróxido de alumínio também é utilizado às vezes para diminuir a quantidade de fosfato no sangue de pacientes com doença renal. Converse com seu médico sobre os possíveis riscos de usar este medicamento para sua condição.

Esta medicação funciona apenas no ácido existente no estômago. Não previne a produção de ácido. Pode ser usado sozinho ou com outros medicamentos que reduzem a produção de ácido (por exemplo, bloqueadores de H2, como inibidores da cimetidina ou ranitidina e da bomba de prótons, como omeprazole).

Como tomar hidróxido de alumínio?

Use este medicamento exatamente como indicado no rótulo ou conforme prescrito pelo seu médico. Não use em grandes quantidades ou por mais do que o recomendado.

Agite bem a suspensão oral (líquido) antes de medir uma dose. Para ter certeza de obter a dose correta, meça o líquido com uma colher de medição ou copo de medicamento apropriado. Este medicamento funciona melhor se tomado sem outros fluidos. Você pode misturar sua dose com um pouco de água, se necessário.

O hidróxido de alumínio é geralmente tomado entre as refeições ou antes de dormir. Não tome hidróxido de alumínio por mais de 2 semanas sem o conselho do seu médico.

Hidróxido de alumínio na gravidez

Não há dados controlados sobre o uso de hidróxido de alumínio na gravidez humana. O hidróxido de alumínio só é recomendado para uso durante a gravidez quando o benefício supera o risco.

Este medicamento pode passar para o leite materno e deve ser evitado durante a lactação. Consulte o seu médico antes tomar este medicamento, caso esteja amamentando.

Hidróxido efeitos colaterais

Este medicamento, geralmente não causa efeitos colaterais, mas eles pode existir. Os mais comuns são:

  • – Diarreia ou prisão de ventre
  • – Náuseas
  • – Vômitos
  • – Dor abdominal

Pare de usar a medicação e chame seu médico de uma vez se você tiver um efeito colateral grave. Estes efeitos são mais comuns com o uso prolongado deste medicamento e podem ser:

  • – Dor estomacal grave
  • – Fezes sangrentas ou pretas
  • – Tosse com sangue
  • – Dor quando você urina
  • – Sonolência extrema
  • – Sensação de cansaço
  • – Perda de apetite
  • – Fraqueza muscular

Obtenha ajuda médica de emergência se você tiver algum destes sinais de uma reação alérgica: urticária, respiração difícil, inchaço do rosto, lábios, língua ou garganta.

Precauções e avisos

Antes de tomar hidróxido de alumínio, informe o seu médico ou farmacêutico se for alérgico a ele ou se tiver outras alergias. Este produto pode conter ingredientes inativos, que podem causar reações alérgicas ou outros problemas. Fale com o seu farmacêutico para mais detalhes.

Se você tiver algum dos seguintes problemas de saúde, consulte seu médico ou farmacêutico antes de usar este produto: uso frequente de álcool, perda severa de água corporal (desidratação ou restrição de fluidos), problemas com constipação intestinal, problemas renais (incluindo cálculos renais), hipertensão, doença cardíaca ou sangramento gastrointestinal.

Evite tomar outros medicamentos ao mesmo tempo em que toma hidróxido de alumínio. Os antiácidos podem tornar mais difícil o seu corpo absorver certas outras drogas.

Este produto contém alumínio, que pode reagir com outros medicamentos (incluindo digoxina, ferro, antibióticos de tetraciclina, pazopanib ou antibióticos de quinolona, como ciprofloxacina), impedindo que sejam absorvidos pelo organismo. Converse com seu médico ou farmacêutico para mais detalhes.

Se os seus problemas de ácido persistirem ou piorarem depois de ter usado este produto por 1 semana, ou se você acha que tem um problema médico grave, procure atendimento médico imediato. Se você estiver usando este medicamento regularmente em uma base diária por mais de 2 semanas, pode ter um problema médico que precisa de tratamento diferente.

Hidróxido de alumínio preço

O hidróxido de alumínio é um produto bem barato e pode ser encontrado facilmente em várias farmácias. Os valores deste medicamento podem variar de 7 a 30 reais.

Mais informações

O hidróxido de alumínio é um medicamento muito usado e seguro para o tratamento da azia e outros desconfortos gastrointestinais relacionados com o aumento do ácido estomacal. No entanto, deve-se evitar seu uso prolongado e a qualquer dúvida, procurar um médico para mais informações.

Este artigo te ajudou?
  • +3 curtiram
  • -2 não curtiram