Para que serve o ácido fólico e como tomá-lo corretamente

Para que serve o ácido fólico e como tomá-lo corretamente

O ácido fólico, também conhecido como folato ou vitamina B9, é muito reconhecido por sua importância na alimentação de grávidas para prevenção de certos defeitos de nascimento. Mas ele também tem muitos outros benefícios importantes para a saúde geral.

O ácido fólico atua ajudando o corpo a produzir e a manter novas células. Em particular, a formação de glóbulos vermelhos depende dos níveis adequados desta vitamina. A deficiência de ácido fólico é uma causa conhecida de anemia em adultos e crianças. Ela pode também ajudar as células a resistir às mudanças no seu DNA, o que está associado ao desenvolvimento do câncer.

Como medicamento, o ácido fólico é usado para tratar a deficiência deste nutriente e certos tipos de anemia (falta de glóbulos vermelhos) causada pela deficiência de ácido fólico.

O ácido fólico às vezes é usado em combinação com outros medicamentos para tratar anemia perniciosa. Além disso, é adicionado a farinha de trigo que é vendida no Brasil. Sendo assim, outros alimentos fabricados à partir dela, tais como pão, biscoito e massas, também são fontes de ácido fólico.

Ácido fólico bula

Apresentação de Afopic. Uso oral e adulto. Laboratório: Teuto.

Embalagens contendo 20 e 100 comprimidos. Comprimido 5mg.

Composição de Afopic

Cada comprimido contém de ácido fólico 5mg:

  • ácido fólico……… 5mg
  • Excipiente q.s.p….. 1 comprimido
  • Excipientes: estearato de magnésio, celulose microcristalina e croscarmelose sódica

Outros nomes de medicamentos de marcas comerciais de ácido fólico, incluem Folicil, Enfol, Folacin, Acfol ou Endofolin. Eles podem ser encontrados na forma de comprimidos, gotas e solução.

Como tomar ácido fólico?

Tome ácido fólico exatamente como prescrito pelo seu médico. Não tome em quantidades maiores ou por mais do que o recomendado. Siga as instruções da bula de prescrição.

Este medicamento é administrado de forma oral, juntamente com algum líquido. Siga a orientação, horários e doses estipuladas por seu médico. Geralmente, as doses são de 1 comprimido 1 vez ao dia, para adultos. A dose pode variar para grávidas e gestantes.

Quantidade recomendada de ácido fólico ao dia

A ingestão diária de ácido fólico pode variar dependendo da idade e para gestantes e lactantes. Confira as doses a seguir:

  • – 0 a 6 meses — 65 mcg
  • – 7 a 12 meses — 80 mcg
  • – 1 a 3 anos — 150 mcg
  • – 4 a 8 anos — 200 mcg
  • – 9 a 13 anos — 300 mcg
  • – 14 anos ou mais — 400 mcg
  • – Grávidas — 600 mcg
  • – Lactantes — 500 mcg

A suplementação deste nutriente deverá ser feita somente sob orientação de um médico. Ela é recomendada, principalmente, em casos de deficiência de ácido fólico, anemia e para grávidas.

Para que serve o ácido fólico?

O ácido fólico é necessário para o desenvolvimento adequado do corpo humano. Está envolvido na produção do material genético do DNA e em inúmeras outras funções corporais.

O ácido fólico é usado para prevenir e tratar a deficiência desta vitamina, bem como suas complicações, incluindo anemia e a incapacidade do intestino para absorver adequadamente os nutrientes. Também é usado para outras condições comumente associadas à deficiência de folato, incluindo colite ulcerativa, doença hepática, alcoolismo e diálise renal.

As mulheres que estão grávidas ou que engravidam tomam ácido fólico para evitar abortos espontâneos e defeitos do tubo neural, defeitos congênitos como a espinha bífida que ocorrem quando a coluna vertebral do feto e as costas não fecham durante o desenvolvimento.

Algumas pessoas usam ácido fólico para prevenir câncer de cólon ou cervical. Também é usado para prevenir doenças cardíacas e acidentes vasculares cerebrais, bem como para reduzir os níveis sanguíneos de uma substância química chamada homocisteína, que em excesso, aumenta o risco de doença cardíaca.

O ácido fólico também pode ser usado para perda de memória, doença de Alzheimer, perda auditiva relacionada à idade, prevenção da degeneração macular relacionada à idade da doença ocular, redução dos sinais de envelhecimento, osteoporose, síndrome das pernas inquietas, problemas de sono, depressão, dor muscular, AIDS, vitiligo e uma doença hereditária chamada síndrome de Frágil-X.

Pesquisas também sugerem que tomar ácido fólico todos os dias durante pelo menos 6 semanas reduz a pressão arterial em pessoas com pressão arterial elevada.

A aplicação de ácido fólico às gengivas parece melhorar problemas nas gengivas que podem ocorrer durante a gravidez.

Alimentos ricos em ácido fólico

O ácido fólico está presente em vários alimentos que consumimos em nosso dia a dia. Veja abaixo as melhores fontes dessa vitamina, quantidade de 100 gramas para cada alimento:

  • – Espinafre — 150 mcg
  • – Flocos de milho — 167 mcg
  • – Feijão — 210 mcg
  • – Salsa — 170 mcg
  • – Aspargo — 155 mcg
  • – Couve-de-bruxelas — 110 mcg
  • – Brócolis cru — 90 mcg
  • – Couve manteiga — 78 mcg
  • – Flocos de aveia — 56 mcg
  • – Manga — 36 mcg
  • – Pão integral de trigo — 31 mcg

Ácido fólico engorda?

Muitas mulheres tem o receio de tomar ácido fólico pensando que ele pode causar o ganho de peso. No entanto, isso não passa de mito, já que se trata de uma vitamina e não possui calorias. Além disso, é uma vitamina solúvel em água, o que quer dizer que, mesmo se consumida em excesso, não é armazenado no organismo, mas sim eliminada pela urina.

A carência desta vitamina, pode levar a redução do apetite e diarreia, o que pode levar a uma diminuição do peso, além de outras consequências negativas à saúde. Por isso, quando você toma esta vitamina, pode estar restabelecendo sua deficiência em seu organismo, o que pode levar a uma recuperação do seu peso normal.

Além disso, todas as vitaminas do complexo B, são importantes para o metabolismo funcionar corretamente, o que pode ajudar a emagrecer.

Efeitos colaterais do ácido fólico

Os efeitos secundários mais comuns e menos graves, podem incluir:

  • – Náusea
  • – Perda de apetite
  • – Inchaço abdominal e gases
  • – Gosto amargo ou desagradável na sua boca
  • – Problemas de sono
  • – Depressão
  • – Irritação

Obtenha ajuda médica de emergência se você tiver algum destes sinais de uma reação alérgica ao ácido fólico: urticária, respiração difícil e inchaço do rosto, lábios, língua ou garganta.

Precauções e avisos quanto ao uso de ácido fólico

Você não deve fazer o uso de suplementos de ácido fólico se já teve uma reação alérgica a essa vitamina. Antes de tomar ácido fólico, informe o seu médico se você tem doença renal (ou se estiver em diálise), uma infecção, se é alcoólatra ou se tem algum tipo de anemia que não tenha sido diagnosticada por um médico e confirmada com testes laboratoriais.

Converse com seu médico sobre tomar ácido fólico durante a gravidez ou aleitamento. Informe também outros medicamentos ou suplementos que esteja a tomar, sejam eles de uso contínuo ou mesmo produtos naturais.

Ácido fólico preço

O preço do ácido fólico pode variar dependendo da marca, quantidade do produto e local de compra. Os valores desta vitamina pode ser de 5 a 90 reais.

Mais informações

O ácido fólico é um nutriente muito importante e que contribui para o funcionamento adequando de nosso organismo e pode até mesmo prevenir problemas de saúde. Certifique-se de consumir vários alimentos ricos em ácido fólico ao dia e, se estiver grávida, converse com seu médico sobre a utilização de um suplemento.

  • ácido fólico bula para que serve
Este artigo te ajudou?
  • +4 curtiram
  • 0 não curtiram