O que é o exame de translucência nucal e quando se deve fazê-lo?

O que é o exame de translucência nucal e quando se deve fazê-lo?

Durante a gravidez, a gestante deve realizar uma série de exames e testes, que podem verificar sua condição de saúde e de seu bebê, para que tudo ocorra bem e para que o a criança possa nascer saudável. A translucência nucal é um desses exames e que hoje vamos saber o que é, quando fazer e qual seu preço.

O que é translucência nucal?

Translucência nucal é um teste feito durante a gravidez. Ele usa ultrassom para medir a espessura do acúmulo de fluido na parte de trás do pescoço do bebê em desenvolvimento. Se esta área for mais espessa do que o normal, pode ser um sinal precoce de síndrome de Down, trissomia 18 ou problemas cardíacos.

O teste é feito entre 11 e 14 semanas de gravidez. Pode ser feito como parte do primeiro teste de triagem ou o teste de rastreio integrado.

Este teste mostra a chance de um bebê ter um certo problema, mas não pode mostrar com certeza que problema um bebê possa ter. Você precisaria de um teste de diagnóstico, como amostragem vilo-coriônica (CVS) ou amniocentese, para descobrir o que o bebê realmente tem.

Translucência nucal quando fazer?

Seu médico pode aconselhar este teste para verificar se seu bebê possa ter síndrome de Down ou outros problemas de saúde. Muitas mulheres grávidas decidem fazer esse teste.

Como se preparar para o exame?

Você pode precisar estar com a bexiga cheia para o teste de translucência nucal. Se assim for, você será solicitada a beber bastante água ou outros líquidos antes do teste. Não urine antes de realizar o exame.

Como o exame é feito?

Na maioria das vezes, um teste de translucência nucal é feito por um tecnólogo de ultrassom especialmente treinado. Mas pode ser feito por um radiologista ou um obstetra que recebeu treinamento especial para fazer este teste. Muitas vezes você não precisa remover suas roupas para o teste, basta levantar sua camisa.

Você pode ter algum desconforto devido à pressão em sua bexiga durante o ultrassom. O gel usado durante o teste pode parecer um pouco frio e molhado.

Durante o teste você vai deitar-se de costas ou de lado. Um gel será espalhado em sua barriga. Um pequeno dispositivo portátil chamado transdutor será pressionado contra o gel na sua pele e se moverá sobre sua barriga. As imagens do bebê são exibidas em um monitor. O tecnólogo ou o médico procurarão e medirão a espessura do acúmulo de líquido na parte de trás do pescoço do bebê. Após o teste é feito, você pode urinar normalmente. O teste geralmente leva cerca de 15 a 20 minutos.

Não há riscos conhecidos ligados a um teste de translucência nucal, tanto para mãe como para o bebê. O ultrassom é uma maneira segura de verificar problemas e obter informações sobre seu bebê em desenvolvimento. Não use raios-X ou outros tipos de radiação que possam prejudicar o bebê.

Um teste de sangue da mãe também é feito. Juntos, esses 2 testes dirão se o bebê pode ter síndrome de Down ou outra doença genética. Você não pode receber informações sobre o teste imediatamente. Os resultados completos geralmente estão disponíveis em 1 ou 2 dias.

O seu médico examinará os resultados do teste de translucência nucal para ver se a área na parte de trás do pescoço do bebê é mais espessa do que o normal.

Translucência nucal alterada

Uma quantidade normal de líquido na parte de trás do pescoço durante o ultra-som significa que é muito improvável que seu bebê tenha síndrome de Down ou outro distúrbio genético.

A medida da translucência nucal aumenta com a idade gestacional. Este é o período entre a concepção e o nascimento. Quanto maior a medição em relação aos bebês com a mesma idade gestacional, maior o risco é para certos distúrbios genéticos.

As medidas abaixo apresentam ou não o risco para transtornos genéticos:

  • – Normal: 2,5 milímetros ou menos
  • – Anormal: Mais de 2,5 milímetros

Como já foi mencionado anteriormente mais fluido do que o normal na parte de trás do pescoço, significa que há maior risco de síndrome de Down, trissomia 18, trissomia 13, síndrome de Turner ou doença cardíaca congênita. Porém este teste não garante um resultado exato que um bebê possui síndrome de Down ou outro transtorno genético. Se o resultado for anormal, outros testes podem ser realizados.

O que pode afetar o exame?

Os resultados do exame de translucência nucal podem ser afetados por:

  • – Ter excesso de peso ou obesidade
  • – Ter fezes ou ar nos intestinos ou reto
  • – Ter uma quantidade anormalmente baixa de líquido amniótico
  • – Não ficar imóvel durante o teste
  • – O feto estar em certas posições durante o teste
  • – Um feto muito ativo

Ultrassom translucência nucal preço

O teste de translucência nucal pode ser feito gratuitamente pelo SUS, quando solicitado pelo obstetra, durante o pré-natal. Para fazer o teste em uma clínica particular, os preços variam entre 100 a 400 reais.

Mais informações

O exame de translucência nucal é muito importante para saber como anda a saúde de seu bebê e deve ser feito sempre o médico pedir. Fale com o seu médico sobre quaisquer preocupações sobre a necessidade do teste, seus riscos, como ele será feito ou o que os resultados significarão.

Este artigo te ajudou?
  • +3 curtiram
  • 0 não curtiram