Nistatina no tratamento contra candidíase oral e vaginal

Nistatina no tratamento contra candidíase oral e vaginal

Também conhecida como Mycostain a Nistatina é um fármaco antifúngico que pode ser encontrado em farmácias com outros nomes como Candistatin, Canditrat, Inofungin ou Nistatec por exemplo e é usado para tratar candidíase oral ou vaginal.

O seu uso deve ser indicado por um profissional de saúde, sendo que se os sintomas persistirem por mais de 5 dias é fundamental ir no médico ou dentista.

Indicações

A Nistatina é indicada no tratamento de candidíase tanto vaginal quanto oral e no tratamento de sapinho em crianças e adultos. Além disso ela é usada no tratamento de candidíase no trato digestivo superior que é comum em pacientes que possuam uma doença que precisa do uso prolongado de radioterapia, antibióticos ou drogas imunodepressoras que deixaram o sistema imune fraco, como no caso da Aids.

Nistatina bula

Cada 1 ml da suspensão oral contém:

  • – Nistatina . . . . . . . . . . 100.000 U.I.
  • – Veículo* q.s.p. . . . . . . . 1,0 ml

Cada 4 g de Nistatina creme vaginal contém:

  • – Nistatina . . . . . . . . . . . 100.000 U.I.
  • – Excipientes . . . . . . . . . . 4 g

*Excipientes (hietelose, sacarina sódica, propilparabeno, metilparabeno, hidróxido de sódio, essência de framboesa, álcool etílico, ácido cítrico, edetato dissódico di-hidratado, fosfato de sódio dibásico, glicerol, simeticona, água purificada).

Como usar a Nistatina

Para fazer seu uso você deve se consultar com seu médico que irá te instruir da melhor forma, mas geralmente você deverá aplicar a dose sobre a área afetada e manter na boca o quanto tempo você conseguir, ou por pelo menos 2 minutos e depois é só ingerir. Também é aconselhável manter a aplicação por mais 2 dias depois que os sintomas desaparecerem.

Posologia

  • – No caso de adultos fazer o uso 3 ou 4 vezes por dia de 500.000 a 1.000.000 UI
  • – Prematuros e crianças de baixo peso 4 vezes por dia de 100.000 UI
  • – Lactantes 4 vezes por dia de 100.000 a 200.000 UI
  • – Crianças de peso normal 4 vezes por dia de 100.000 a 600.000 UI

*No caso do uso vaginal o seu uso é em creme é recomenda-se 100.000 UI por dia, equivalente a 4g durante 14 dias consecutivos com o auxílio de um aplicador.

O que preciso saber antes de usar a Nistatina?

Antes de começar o uso desse fármaco você deve falar com seu médico se estiver com suspeita de gravidez ou amamentando ou se tiver fazendo uso de outros medicamentos. Também é importante falar com seu médico se tiver doença crônica nos rins.

No caso do tratamento com Nistatina creme vaginal, manter uma higiene pessoal rigorosa é imprescindível, também lavando cuidadosamente as mãos antes de cada aplicação. Além das medidas higiênicas do dia a dia, durante o tratamento você deve ter algumas preocupações para não gerar uma reinfecção, como após urinar, enxugar a vulva sem esfregar o papel higiênico; após a defecação jamais gerar contato do papel com sua genitália; mudar diariamente sua roupa íntima, lavar toalhas e lençóis com detergente.

No caso do tratamento oral, deve manter uma higiene bucal adequada e cuidada antes de cada dose do medicamento.

Não utilizar em outra área do corpo. A nistatina creme vaginal é um remédio que deve ser usado apenas de forma intravaginal, assim como a nistatina suspensão oral é apenas para ser usado de forma oral. Jamais usar o creme na boca, assim como o de gotas em sua genitália.

O tratamento não deve ser interrompido, assim como os horários, doses e duração do mesmo devem ser respeitados rigorosamente. Além disso o tratamento com Nistatina creme vaginal não deve ser pausado durante o período da menstruação.

Superdosagem

No caso de uso excessivo de Nistatina, você deve se dirigir ao hospital mais próximo portando a embalagem ou bula do medicamento.

Alguns dos efeitos de superdosagem mais frequentes que pode sentir após seu uso excessivo são náuseas e problemas gastrointestinais.

O que fazer quando se esquecer de usar o medicamento?

Se por acaso você se esqueceu de aplicar/tomar a dose de Nistatina, você deve saltar a dose esquecida e esperar pela hora da dose seguinte. Nunca dobrar a dose ou fazer o uso seguido em um intervalo curto de tempo.

Mais informações

  • – A Nistatina suspensão oral não deve ser utilizada em tratamento de micoses sistêmicas.
  • – Caso ocorra hipersensibilidade ou irritação ao fármaco, o seu uso deve ser suspendido e as medidas cabíveis devem ser tomadas.
  • – Recomenda-se que esfregaços com KOH, culturas ou outros métodos de diagnóstico sejam usados para confirmar o diagnóstico de candidíase e excluir outras infecções causada por outros patógenos.
  • – Ainda não foi comprovado se a Nistatina é excretada no leite humano. Embora a absorção gastrintestinal seja insignificante, precauções devem ser tomadas quando a Nistatina for prescrita a lactantes.

Este artigo te ajudou?
  • +1 curtiram
  • 0 não curtiram