Glucosamina: o que é, benefícios e contra-indicações

Rudney Dicas Saúde 05-09-15 glucosamina, glucosamina e condroitina, sulfato de glucosamina comentários

A glucosamina também conhecida como sulfato de glucosamina é uma substância que faz parte do corpo humano. A glucosamina está presente naturalmente na cartilagem articular de mamíferos, e outras partes da natureza, tais como conchas de moluscos a partir da qual pode ser extraída. O sulfato de glucosamina é utilizado na fabricação de suplementos dietéticos, mas estes nem sempre são originários de fontes naturais, pois essa substância também pode ser fabricada em laboratório.

Como age a glucosamina

O corpo humano utiliza a glucosamina para produzir outras substâncias relacionadas com a formação de tendões, ligamentos, cartilagem e fluído circundante das articulações. A glucosamina pode aumentar a quantidade de cartilagem e fluído circundante das articulações e evitar seu desgaste, além de ser um constituinte de ácido hialurónico, que é um componente da cartilagem. Na cartilagem articular, a glucosamina forma parte dos proteoglicanos, que têm a capacidade de absorver a água que dá ao tecido a sua elasticidade.

A maioria das pessoas em todo o mundo, que sofrem de artrite ou dores ósseas, relatam um aumento no funcionamento de suas articulações e uma diminuição da dor com o uso de glucosamina. Em muitos casos, há até mesmo restauro da cartilagem danificada, enquanto outros pacientes reduziram a necessidade de medicação para a dor. A glucosamina produz substâncias que impedem os ossos de se esfregarem uns contra os outros e funcionam eficazmente se a origem da dor está relacionada com a diminuição do fluído entre as articulações.

Usos da glucosamina

Atualmente o sulfato de glucosamina é comumente usado para tratar a artrite. Numerosos estudos científicos já foram conduzidos para seu uso nesta doença, e é usada principalmente para tratar a artrite do tipo conhecido como osteoartrite, que é o tipo mais comum de artrite, e afeta na maior parte os idosos.

Os jovens também podem sofrer de osteoartrite, principalmente em casos de lesões articulares. A osteoartrite é uma doença das articulações, especialmente da cartilagem.

A cartilagem é um tecido que cobre as extremidades dos ossos e articulações. Ela facilita o movimento dos ossos e absorve o choque que pode ocorrer com movimento físico. A osteoartrite ocorre quando a camada superior da cartilagem é danificada ou gasta, causando um atrito entre os ossos. Este atrito provoca efeitos desagradáveis, tais como dor, inchaço e muitas vezes leva à perda do movimento da junta. Se não tratada, a articulação pode ficar deformada.

Algumas causas da osteoartrite são:

– Envelhecimento
– O excesso de peso
– Lesões nas articulações
– Defeitos na formação das articulações
– Problema genético na cartilagem articular
– Problemas articulares devido ao trabalho ou esporte

A maioria das pesquisas sobre a glucosamina provaram que ela é especialmente eficaz para o tratamento de osteoartrite do joelho. No entanto, existem também estudos mostrando sua eficácia no tratamento de osteoartrite do quadril e coluna vertebral.

Outros benefícios da glucosamina

Além das vantagens já mencionadas e suas aplicações, existem outros benefícios da glucosamina:

– Combate a osteoporose em várias articulações do corpo, como joelho e cotovelo. Também é eficaz contra os sintomas de artrite.

– Age sobre a inflamação das varizes nas pernas, aliviando a dor e coceira.

– Tem propriedades terapêuticas sobre as articulações.

– É útil para aliviar lesões nos cotovelos, joelhos, mãos e quadris como resultado do exercício ou atividade física.

– Evita o desgaste dos tecidos articulares.

– É usada de maneira complementar em tratamentos clínicos.

– O consumo de glucosamina é bem tolerado pelo organismo.

– Algumas pesquisas mostram que tomar sulfato de glucosamina ajuda a aliviar dores da mesma maneira que a medicação anti-inflamatória.

– Além do alívio da dor, a glucosamina, quando tomada a longo prazo, pode também diminuir o desgaste das articulações.

Contra-indicações da glucosamina

Tal como acontece com todos os suplementos, a glucosamina é contra-indicada em pacientes com hipersensibilidade ao produto ou qualquer componente da formulação.

A glucosamina pode causar alguns efeitos colaterais leves como náusea, azia, diarreia ou constipação. Efeitos secundários muito raros são tonturas, reações cutâneas e dor de cabeça.

Uma vez que alguns produtos de sulfato de glucosamina são obtidos a partir de frutos do mar, existe a possibilidade de causar reações em pessoas alérgicas a esses alimentos. Embora seja muito raro, em caso de qualquer reação alérgica você deve interromper imediatamente o uso.

Seu uso não é recomendado durante a gravidez e lactação. Também não existem estudos conclusivos para determinar se seu uso é contra-indicado em doentes com asma ou diabetes.

Dosagem

As doses seguintes foram estudadas para uso por via oral:

– Osteoartrite: 1500 mg uma vez por dia ou 500 mg três vezes por dia.
– Artrite da articulação temporomandibular (ATM): 500 mg três vezes por dia.

Mais informações

Os suplementos a base de glucosamina muitas vezes são compostos também por sulfato de condroitina, que é uma substância química normalmente encontrada na cartilagem em torno das articulações e também é indicada para tratar a osteoartrite.

Este Post te ajudou?
  
  • glucosamina condroitina contra indicações
  • glucosamina indicações
  • glucosamina contra indicações
  • sulfato de glucosamina contra indicação
Deixe sua opinião:
Posts Relacionados: