Dicas para perder o medo de médicos

Rudney Destaque, Dicas Saúde 22-01-14 Como perder o medo de médicos, dicas para perder o medo de médicos, fobia de médicos, iatrofobia, medo de médico comentários

Algumas pessoas têm um verdadeiro medo de médicos, que pode levá-las ao pânico mesmo que seja apenas por uma revisão de rotina ou um simples exame de sangue. Muitas pessoas se encontram nessa situação, seja por um medo infundado, experiências pessoais passadas ou doenças sofridas por pessoas próximas. No entanto, devem tentar acabar com essa fobia, e pensar com uma outra perspectiva. Hoje no Dicas Sobre Saúde, veja dicas para perder o medo de médicos.

O profissional da saúde é uma pessoa que está ali para nos ajudar a nos sentirmos melhor. Além disso, mantenha em mente que esconder um problema não irá ajudar a soluciona-lo, mas sim o oposto, pois um problema que poderia ser facilmente resolvido, pode se complicar ainda mais pelo simples fato de não tratar-lo em seu devido tempo.

Como perder o medo de médicos

– É importante confiar em nosso médico, explicar em detalhes os nossos medos e até mesmo levar algum acompanhe para sentir-se mais calmo. Você tem que se acalmar, porque todos os seus pensamentos, não são racionais, pois o medo de médicos é apenas um tipo de fobia social, que é conhecida como iatrofobia.

– Por isso, é essencial expor este medo para o médico, que vai nos dar algumas orientações para controlá-lo e, assim, evitar problemas mais graves, como não receber tratamento médico necessário. Em alguns casos, não ir ao médico traz consequências graves, o que pode até mesmo resultar em danos irreversíveis ou a própria morte nos casos mais graves.

– As causas que provocam este medo são inúmeras: uma memória traumática da nossa infância, o próprio cheiro dos centros médicos, o medo de alguns testes que podem ser dolorosos, o medo de descobrir doenças e assim por diante.

– Entre os sintomas do medo de médicos se encontra palpitações, falta de ar, sudorese excessiva, mal-estar, tremores internos, dificuldade de concentração e na fala, perda de controle, náusea, boca seca, medo de ter algum problema grave ou morrer, ataques de ansiedade ou pânico e sensação de descolamento da realidade.

– O medo dos médicos é mais comum em crianças. Para ajudar a evitar o medo, é importante mudar a imagem do profissional. Uma boa maneira é falar do médico como um conhecido ou familiar, usando seu primeiro nome, para que apareça alguém muito mais próximo.

– Tente fazer com que a pessoa que sofre de fobia de médicos, entenda que ir ao médico é essencial para curar doenças e ajudar-nos a estar sempre saudáveis.

– É importante saber no que vai consistir a visitar ao médico, seja para uma revisão qualquer de rotina ou para realizar algum diagnóstico para o tratamento de uma doença. Devemos falar naturalmente sobre os testes a serem realizados, mesmo que alguns possam ser dolorosos, porque assim a pessoa estará mais preparada e não será surpreendida.

– Da mesma forma, é importante que as pessoas que cercam o paciente que tem medo de médico, falem positivamente do trabalho muito necessário feito pelos profissionais de saúde, sempre evitando comentários negativos.

Este Post te ajudou?
  
  • fobia de ir ao medico
  • medo de médico
  • medo de ir ao médico
  • medo de medito
Deixe sua opinião:
Posts Relacionados: