Dicas de alimentação para superar a síndrome da fadiga crônica

Rudney Dicas Saúde 29-08-15 fadiga, fadiga cronica, síndrome da fadiga crônica comentários

A síndrome da fadiga crônica é uma doença complexa caracterizada por fadiga extrema que não pode ser explicada por qualquer condição médica subjacente. A fadiga pode agravar-se com a atividade física ou mental, mas não melhora com o repouso.

A causa da síndrome da fadiga crônica é desconhecida, embora existam muitas teorias, que vão desde infecções virais ao estresse psicológico. Alguns especialistas acreditam que a síndrome da fadiga crônica possa ser causada por uma combinação de fatores. Não há um único teste para confirmar o diagnóstico de síndrome da fadiga crônica.

O tratamento para a síndrome da fadiga crônica se concentra em aliviar os sintomas, mas uma dieta especial pode ajudar as pessoas que têm a doença.

Dicas de alimentação para a síndrome da fadiga crônica

Alto consumo de água, sal e proteínas

Os níveis de hormônios supra-renais são inadequados em alguns pacientes com síndrome da fadiga crônica, assim as pessoas que sofrem desta doença ficam mais desidratadas e precisam de um aumento no consumo de sal e água.

A exceção seria para aqueles com pressão arterial alta ou insuficiência cardíaca. Além disso, o aumento da ingestão de proteína tende a ajudar a manter o açúcar estável no sangue.

Evitar o açúcar

O açúcar tem muitos efeitos nocivos sobre pacientes com Síndrome de fadiga crônica. Esse alimento prejudica o sistema imunológico, aumenta a inflamação e estimula o crescimento de fungos nos intestinos. Ele também provoca um aumento rápido no nível de açúcar no sangue seguido por hipoglicemia. A hipoglicemia causa mais fadiga e ainda mais ansiedade pelo açúcar, criando um círculo vicioso.

“Superalimentos”

Como um primeiro caminho para o tratamento da fadiga crônica é obter uma nutrição adequada. Você deve incluir superalimentos em sua dieta, ou seja, alimentos ricos em nutrientes, antioxidantes e ácidos graxos saudáveis ​​que ajudam a dar-lhe energia.

Além disso, estes alimentos vão ajudar a prevenir doenças cardíacas e câncer, manter um bom peso e melhorar a memória. Se você quiser melhorar sua situação, deve incorporar estes alimentos:

– Mirtilos
– Aveia
– Brócolis
– Abóbora
– Chocolate escuro
– Espinafre
– Laranja
– Nozes
– Salmão
– Soja
– Tomate
– Iogurte
– Feijão

Alimentos para controlar o nível de açúcar no sangue

Como é bem conhecido uma das fontes de energia no corpo é o açúcar. Para superar o problema, temos de nos concentrar em manter níveis adequados de açúcar no sangue. Exames de glicemia, que podem ser feitos em casa, irão ajudar nesta tarefa. Os alimentos mais indicados para controlar o nível de açúcar no sangue são:

– Alimentos integrais
– Cenoura
– Batata
– Alface
– Repolho
– Canela

Alimentos para evitar alergias

Pessoas com fadiga crônica tornam-se mais sensíveis e vulneráveis a desenvolver alergias por causa de alguns produtos químicos nos alimentos. Por sua vez, as alergias pioram os sintomas dolorosos desta condição.

Reações alérgicas em pessoas com fadiga crônica podem causar mais ansiedade, ataques de pânico e depressão. Neste caso, a próxima lista de alimentos servem para evitar alergias.

– Maçã
– Açafrão
– Alho
– limão
– Cebola
– Salmão
– Chá verde
– Gengibre
– Couve
– Linhaça

Mais informações

Manter uma alimentação adequada é parte fundamental do tratamento para superar a síndrome da fadiga crônica. Basicamente, uma boa dieta é capaz de reduzir os sintomas e prevenir esse problema. No entanto, além da alimentação, outras medidas também devem ser tomadas para o tratamento, como uso de medicamentos prescritos por um médico e terapias.

Este Post te ajudou?
  
  • alimentação adequada para fadiga crônica
Deixe sua opinião:
Posts Relacionados: