Comer devagar realmente funciona

Mateus Dicas Saúde 28-01-14 beber agua, comer com calma, comer mais devagar comentários

Uma das principais dicas que sempre se repete em questão de comer mais saudável e em melhorar a forma ao sentar-se à mesa é reduzir a velocidade da ingestão, e, aparentemente, um estudo recente adiciona fundamentos para a nossa recomendação e mostra que comer devagar realmente funciona.

Ao comparar a ingestão de dois grupos de pessoas divididas por sua vez pelo peso corporal em aquelas pessoas com peso normal e com excesso de peso ou obesidade, verificou-se que comer mais devagar, sem pressa, o consumo de energia é reduzido em cerca de 10 %.

Um grupo foi solicitado a comer imaginando que eles tinham muito tempo, que assim comeram com pequenas mordidas, mastigaram várias vezes, que faziam pequenas outras coisas entre uma mordida e outra e que realizaram pausas, enquanto o outro grupo foram convidados a imaginar que eles tinham pouco tempo para comer e comiam rapidamente, consumindo as alimentos com grandes mordidas sem pausas.

Após a conclusão, os resultados mostram que quando você come mais lento se consome mais água e se reduz as calorias ingeridas, mas essa redução foi menor em sobrepeso ou obesos, talvez porque eles se sentiram mais auto-consciente para comer, formando parte do estudo e por esta razão diminuiu seu consumo em ambas as situações.

No entanto, comer mais devagar ajuda a tornar-se mais consciente do que é ingerido e também dá mais saciedade a um consumo pós tempo, portanto, pode afetar a ingestão a longo prazo e não apenas na mesma refeição.

Além disso, o aumento da ingestão de água ao comer mais devagar pode ter distendido o estômago e tiveram impacto em um menor consumo, mas certamente, ao comer mais devagar é mais provável que a ingestão de água aumenta.

Então mais uma vez repetir a nossa recomendação de comer mais devagar, com calma e sem pressa, pois comer devagar realmente funciona e tem vantagens para controlar melhor o nosso consumo.

Este Post te ajudou?
  
    Deixe sua opinião:
    Posts Relacionados: