8 piores alimentos processados ​​que você deve evitar comer

Rudney Alimentos Saudáveis 30-09-16 alimentação saudavel, alimentos processados, piores alimentos comentários

Os chamados alimentos processados estão em prateleiras de qualquer supermercado e nas cozinhas de nossas casas. Eles vieram para ficar permanentemente e se tornaram parte da vida cotidiana em uma época em que cada vez temos menos tempo para cozinhar.

Normalmente, eles incorporam uma grande quantidade de produtos químicos artificiais e aditivos alimentares que não combinam com uma vida saudável. Também têm um sabor que é muito atrativo para o consumidor, ao ponto de ser viciante.

No entanto, muitos destes alimentos são submetidos a mudanças na sua composição nutricional, o que resulta em perda de fibra dietética, teor de água, minerais e vitaminas. Por o outro lado, são adicionados a eles, grandes quantidades de açúcar, sal e gordura, por isso tendem a concentrar um maior número de calorias.

Mas, acima de tudo, a grande desvantagem é que os alimentos processados estão associados com um risco aumentado de doenças: câncer, hipertensão, diabetes, obesidade e depressão, entre muitas outras.

O que são alimentos processados?

Os alimentos processados são qualquer alimento que ou ingrediente, que sofreu alterações ou passou por algum grau de processamento industrial antes de chegar à nossa mesa para que possamos consumir. Apesar de proporcionarem diversidade e prazer, em geral, são pouco nutritivos e todo esse processamento industrial, pode trazer grandes riscos a nossa saúde.

Piores alimentos processados

1 – Carnes processadas

O bacon, a salsicha e outras carnes processadas contêm altos níveis de sódio, que pode levar a pressão arterial elevada. E o sódio é apenas o começo. Parte da razão pela qual são tão deliciosos é porque são carregados com gordura saturada. A gordura saturada está ligada a doenças cardíacas e obesidade.

O perigo também se esconde nos muitos conservantes como o nitrato de sódio, que está relacionado a vários problemas de saúde, como o câncer.

2 – Barra de cereal

As barras de cereais são recheadas com grãos ​​e embaladas que dão a entender que são super saudáveis. No entanto, também são ruins para a saúde, pois são carregadas com adição de açúcares, que digerem de forma rápida e não satisfazem a fome por muito tempo. Apesar de sua imagem de marketing saudável, as barras de cereais não oferecem uma boa nutrição.

3 – Macarrão instantâneo

Um pacote de macarrão instantâneo pode conter cerca de 2.000 miligramas de sódio, que é a dose máxima diária recomendada pelo Ministério da Saúde. Isso aumenta a pressão arterial, que pode levar a acidente vascular cerebral e doenças cardiovasculares. Além disso, é feito com carboidratos simples que compõem a maioria dos outros ingredientes, e seu valor nutricional é quase zero.

Outro fator importante que não poderíamos deixar de falar é sobre o tempero desse macarrão, que é composto de glutamato monossódico, um intensificador de sabor que é conhecido por danificar a central de regulação de apetite no cérebro conhecida como a área do hipotálamo, causando resistência e eliminando a sensação de saciedade. Além disso, está relacionado a diferentes casos de câncer.

4 – Margarina

Houve um tempo em que a margarina foi considerada a alternativa saudável à manteiga. No entanto, a verdade é que algumas margarinas contêm uma grande quantidade de gorduras trans, que é considerada a mais prejudicial das gorduras, incluindo as gorduras saturadas. As gorduras trans aumentam o colesterol ruim, o que pode levar a doenças cardíacas e acidente vascular cerebral.

5 – Pipoca de microondas

Não há nada de errado com a pipoca (desde que você não exagere no sal e manteiga) e não há nada de errado com microondas, o problema está na embalagem. O perfluoroalquil um produto impermeabilizante e extremamente tóxico utilizado no saco de pipoca, está em contato direto com o alimento. Estudos têm relacionado perfluoroalquil com problemas de saúde tão diversos como problemas na tireoide, doença renal, intoxicação do fígado, fragilidade do sistema imunológico, diminuição do tamanho e peso de bebês recém nascidos e má qualidade do sêmen, além de serem considerados poluentes orgânicos persistentes.

6 – Ketchup

O problemas aqui não está no ketchup, mas sim nos alimentos que esse molho acompanha, que muitas vezes são ricos em gorduras e sal. Os tomates usados no ketchup são tão diluídos por açúcar e sal que oferecem quase nenhum valor nutricional. Com a maioria das calorias na ketchup vindas do açúcar, você pode estar regar as suas batatas fritas com açúcar! Imagina o mal que isso pode causar em sua saúde.

7 – Alimentos congelados

Os alimentos processados e congelados são muitas vezes carregados com açúcares, gordura e sódio. Esses aditivos podem levar a problemas de peso e coração. Eles também podem elevar a pressão arterial, colocando-o em risco de acidente vascular cerebral.

8 – Refrigerante

É praticamente uma forma líquida de doce. Todas estas bebidas são bombas calóricas de açúcar, contribuindo assim para a epidemia de obesidade em todo o mundo, o envelhecimento prematuro, problemas hormonais e alguns tipos de câncer.

Mais informações

Os alimentos processados, podem proporcionar comodidade e até mesmo serem gostosos, mas você deve apreciá-los com moderação, ou mesmo deixar de consumi-los se quiser manter uma vida saudável e cuidar da sua saúde. Prefira sempre consumir alimentos naturais e frescos, este deve ser o foco de sua dieta.

Este Post te ajudou?
  
    Deixe sua opinião:
    Posts Relacionados: