5 dicas para controlar e tratar a compulsão alimentar

Rudney Dicas Saúde 13-08-15 alimentar, compulsao alimentar, compulsão alimentar tratamento comentários

A compulsão alimentar refere-se ao consumo excessivo, ansioso e descontrolado de grande quantidade de um ou mais alimentos para satisfazer a fome ou a reduzir a ansiedade, em um curto período de tempo. Esta conduta, quando se torna recorrente e incontrolável, tem uma grande influência sobre o ganho de peso, além do estado emocional da pessoa, que tende a se sentir culpada depois desses episódios.

Se você precisa de algumas dicas para ajudá-lo a evitar a compulsão alimentar, ter uma dieta saudável e manter o seu peso ideal, preste atenção ao que vamos mostrar neste artigo.

Dicas para evitar a compulsão alimentar

1 – Mudar o humor

Na maioria das vezes, a compulsão alimentar têm algo a ver com a própria fome, mas é o resultado de um estado específico de ânimo, ou seja, quando você está ansioso, estressado ou nervoso. Portanto, o primeiro passo para evitar comer demais, passa por manter o controle e tentar mudar o humor e, consequentemente a ansiedade pela comida.

Para começar, será útil fazer atividades que fazem você se distrair e gera bons sentimentos, como uma caminhada, encontrar com amigos, ir a eventos, ler um livro… qualquer coisa que faz você se sentir bem e confortável, servirá para combater a ansiedade que leva aos excessos.

2 – Relaxe

Fazer atividades relaxantes ajudam muito, algumas opções como ioga ou pilates, também irão ajudá-lo a ser menos ansiosa no final do dia, além disso, favorecem o seu descanso à noite.

Em resumo, tente fazer qualquer atividade física que você goste, pois a prática de exercício é ideal para aliviar a ansiedade, estresse e liberar endorfinas, que também ajudam a manter o controle da fome, além de beneficiar sua saúde geral.

3 – Previna-se

É importante analisar que momentos do dia você sente maior necessidade de comer, para que possa antecipar a situação e evitar a tentação. Se sua vontade de comer ocorre no período da tarde, antes de dormir ou no meio da noite, tente mudar seus hábitos, pois na maioria das vezes, eles costumam estar relacionados com a ansiedade ou estresse, e acabam gerando essa vontade descontrolada pela comida.

4 – Revise seus alimentos

Uma das medidas mais eficazes que podem ser tomadas para evitar a compulsão alimentar é reduzir significativamente o acesso a a comida ou alimento que leva você a perder o controle e se sucumbir à tentação. Portanto, é importante que você revise sua lista de compras, exclua os alimentos de alto teor calórico que você mais come e, por outro lado, prepare uma lista de compras com alimentos saudáveis.

Desta forma, quando você for procurar algo para comer, não vai encontrar alimentos calóricos e viciantes como, por exemplo, doces, chocolates, biscoitos, bolos, refrigerantes, etc.

5 – Alimente-se bem

Outra dica importante é seguir uma dieta equilibrada e fazer 5 refeições por dia em pequenas porções, de modo a reduzir o apetite e evitar que você fique comendo entre as refeições, o que será um “gatilho” para as tentações. Também é aconselhável que você gaste tempo suficiente para comer (cerca de 20 a 30 minutos), mastigue os alimentos devagar e aprecie bem a comida, assim, vai se sentir mais satisfeito e vai controlar melhor a fome.

Abaixo, detalhamos algumas das indicações que nutricionistas recomendam para seus pacientes conseguirem combater o desejo pela comida:

– Prefira carboidratos complexos: estes são digeridos mais lentamente do que os carboidratos simples e ajudam a manter os níveis de açúcar estáveis. Alguns exemplos são uma tigela de mingau de aveia ou cereais integrais.

– Comer vegetais crus: alguns vegetais consumidos crus como cenoura ou aipo, ajudam a reduzir a ansiedade ao liberar a tensão da mandíbula e são ideais para a manutenção do peso.

– Aumentar o consumo de ômega 3: os alimentos ricos ômega-3, como peixes oleosos, sementes ou óleos vegetais, regulam a produção de cortisol, o hormônio associado ao estresse e ajudam a proteger contra doenças como a depressão.

– Coma mais vitamina C: este nutriente é essencial para reduzir os níveis de estresse e também mantém o sistema imune forte.

Mais informações

Se apesar de seguir todas essas dicas e fazer grandes esforços, você não conseguir evitar a compulsão alimentar, que ocorre continuamente, e ainda sentir que tem uma relação de grande dependência nos alimentos, então você deve procurar ajuda psicológica e procurar um nutricionista para superar esse problema e cuidar de sua saúde.

Este Post te ajudou?
  
    Deixe sua opinião:
    Posts Relacionados: