11 alimentos para evitar em caso de bexiga hiperativa

Rudney Alimentos Saudáveis 01-10-16 bexiga, bexiga hiperativa, bexiga hiperativa tratamento comentários

Bexiga hiperativa, também conhecida como incontinência de urgência, é um problema que resulta em uma vontade súbita de urinar e, potencialmente, incontinência urinária. Há um certo número de fatores que são conhecidos por afetarem esta condição, por exemplo, o volume de ingestão de líquidos e fumar, uma vez que irrita o músculo da bexiga.

Sintomas da bexiga hiperativa

– necessidade de urinar mais do que o normal
– impulsos súbitos de urinar
– não ser capaz de controlar a micção
– necessidade de urinar mais de uma vez durante a noite

Alimentos para evitar em caso de bexiga hiperativa

É possível que certos alimentos piorem esta condição, por serem potencialmente irritantes da bexiga ou do trato urinário. Os efeitos de vários alimentos sobre a bexiga hiperativa variam de pessoa para pessoa. A seguir vamos conhecer alguns alimentos que podem piorar os sintomas desse problema:

1 – Tomate

De acordo com a Cleveland Clinic, os tomates são alimentos ácidos que podem potencialmente irritar a bexiga e piorar os sintomas de bexiga hiperativa. Aqueles que são particularmente sensíveis devem também cortar massas ou molho de tomate e ketchup.

2 – Café e chá

O culpado no café e chá é a cafeína. Ela pode aumentar a atividade da bexiga, e resultar em sintomas exacerbados, incluindo maior urgência e frequência, assim como o aumento da incontinência.

Reduzir ou eliminar o consumo de cafeína, ou fazer uma mudança para variedades descafeinadas, pode reduzir os sintomas. No entanto, deve notar-se que, mesmo os produtos descafeinados contém alguma cafeína. Tenha isso em mente se você é particularmente sensível à cafeína.

3 – Chocolate

Como café e o chá, uma porção de chocolate também contém alguma cafeína. Tente reduzir a quantidade de chocolate consumida se sofre desse problema.

4 – Frutas cítricas

Como o tomate, as frutas cítricas, tais como laranjas e limões contêm quantidades elevadas de ácido cítrico, que podem piorar o controle da bexiga. No entanto, as frutas devem ser parte de sua dieta saudável, de modo que você deve tentar variedades menos ácidas, como maçãs ou bananas. Cada pessoa reage de forma diferente aos alimentos, você deve experimentar para ver quais as frutas lhe causam mais problemas.

5 – Bebidas alcoólicas

O álcool pode irritar a bexiga e afetar os sinais enviados para o cérebro que alertam quando a bexiga está cheia e quando você deve esvaziá-la. Além disso, é diurético, por isso aumentam a frequência urinária.

6 – Bebidas gaseificadas

Os refrigerantes, água com gás e bebidas energéticas, podem potencialmente agravar os sintomas de bexiga hiperativa. Estas bebidas contêm gases e cafeína, que irritam a bexiga e pioram seus sintomas.

7 – Alimentos picantes

Os mesmos alimentos que fazem “queimar” seus lábios também podem irritar a bexiga. Portanto, evite alimentos picantes, como as pimentas, se você esta sofrendo desse problema de bexiga.

8 – Alimentos processados

Os alimentos processados ​​contêm uma grande quantidade de ingredientes, como aromatizantes artificiais, conservantes, etc, que podem irritar a bexiga e piorar os sintomas da bexiga hiperativa.

9 – Cebola

Por ser um alimento picante e ácidos, a cebola pode causar problemas de bexiga e aumentar a vontade de urinar. Cebolas cruas são as principais culpadas, por isso, cozinhá-las antes de come-las pode reduzir o efeito adverso que causam sobre a bexiga.

10 – Cranberry

Muitos afirmam que o suco de cranberry alivia os sintomas de infecções do trato urinário, mas frutas são ácidas e, assim como tomates e frutas cítricas, podem ser grandes irritantes da bexiga e causar incontinência.

Outras dicas para controlar a bexiga hiperativa

– Ingestão de água equilibrada

Para evitar o desejo constante de urinar, você pode pensar em reduzir sua ingestão de líquidos. Mas esse não é o caso. Quando se trata de ingestão de água e bexiga hiperativa, a palavra para se lembrar é “equilíbrio”.

Muita água, certamente vai lhe causar problemas, mas pouca vai fazer a sua urina ser mais concentrada e ácida, o que pode causar aumento da necessidade de usar o banheiro. Limitar a ingestão de líquidos também pode causar outros problemas de saúde. O seu médico pode dizer-lhe o equilíbrio certo, mas a maioria dos especialistas sugerem o equivalente a 6 ou 8 copos por dia e uma ingestão limitada à noite.

– Mantenha um diário alimentar

Pelos efeitos serem diferentes de pessoa para pessoa, é impossível dizer com certeza que você deve ou não evitar cada um desses alimentos. Um diário alimentar pode ajudar a identificar quais os alimentos causam ou pioram seus sintomas.

Use um diário para anotar os alimentos que você come, quando come, e quaisquer sintomas que experimentou depois. Isto irá permitir que você perceba alguma relação entre os alimentos que come e os sintomas da bexiga hiperativa.

Mais informações

Não há cura para a bexiga hiperativa, mas existem formas eficazes de manter seu controle, como algumas mudanças de estilo de vida e medicamentos prescritos por um médico. Em casos mais graves, pode ser recomendado uma cirurgia.

Este Post te ajudou?
  
    Deixe sua opinião:
    Posts Relacionados: